Espantalhos regressam para dar mais vida e cor ao Mercado

Estão espalhados pela cidade, em rotundas, nas janelas e varandas de habitações particulares, em edifícios públicos e em árvores. São dezenas de espantalhos que povoam a cidade numa antecipação do que será o I Festival de Espantalhos de Portugal que decorrerá nos meses de junho e julho em Oliveira de Azeméis. Os espanta-pássaros estão associados ao Mercado à Moda Antiga com o objetivo de fazer renascer uma tradição com a qual cidade esteve já fortemente identificada aquando da realização, há duas décadas, do “Macinhata Espanta”, um evento que reuniu na freguesia de Macinhata da Seixa 1 113 espantalhos batendo o record no Guiness Book. O regresso dos espantalhos a Oliveira de Azeméis insere-se num projeto renovado e que quer ir mais longe do que foi o “Macinhata Espanta”.

É um projeto ampliado com objetivos bem definidos, assente numa componente cultural e transformando-se num cartão-de-visita da cidade identificando-se com uma tradição bem enraizada no passado das gentes oliveirenses.

A mentora e impulsionadora do projeto, Conceição Ferreira, defende o envolvimento de qualquer cidadão no processo de produção e divulgação dos espanta-pássaros como elemento de pertença coletiva da sociedade oliveirense. 

A autarquia é parceira e está ao lado de Conceição Ferreira, quer na homenagem aos espantalhos inserida no Mercado á Moda Antiga e visível nos espaços públicos e na decoração dos espaços das associações que participam no evento, quer na realização do Festival de Espantalhos de Portugal Francisca OAZ.

A menos de 15 dias do Festival os espantalhos estão aí, bem visíveis e dando mais cor ao Mercado à Moda Antiga. Não espantando, desta vez, pássaros mas chamando mais visitantes ao maior evento cultural do município.

Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis . Largo da República . 3720-240 Oliveira de Azeméis . https://www.facebook.com/mercadomodaantiga

P
arceria: Correio de Azeméis | AZFM | AZTV